Bankroll para iniciantes: Se quer saber mais, clica aqui
Dicas de pokerEstratégia

Bankroll para iniciantes: Se quer saber mais, clica aqui

Home / Blog & News / Bankroll para iniciantes: Se quer saber mais, clica aqui
April 22, 2021 12:07 pm | por DM Créditos

Todo jogador de poker sabe a importância de fazer uma boa gestão de saldo. Se você não sabe, esse artigo é para você. Nele falaremos sobre bankroll para iniciantes. 

Gerenciar o seu bankroll, no início, pode parecer uma tarefa difícil e chata, mas com o tempo e com a experiência você fará isso com muita facilidade e perceberá o quão importante é cuidar com atenção dele. 

E então, ficou curioso? Vamos entender então o que é esse bankroll, qual a importância dele para os seus jogos e como você pode fazer uma boa gestão sem “sofrer” muito com isso. Vamos lá?

O QUE É BANKROLL

Bankroll nada mais é do que o saldo (também conhecido como banca) que você tem disponível para realizar suas apostas em jogos de poker, ou seja, a quantia em dinheiro que você tem para gastar exclusivamente com os jogos.

Além disso, o seu bankroll em nada tem a ver com o dinheiro da sua vida pessoal, não importa o quão rico você seja, bankroll é bankroll e ele é separado das suas finanças particulares. Simples, não é mesmo? 

Para os jogadores de poker mais experientes e principalmente os profissionais, o bankroll faz parte das ferramentas de trabalho deles, uma vez que esses jogadores utilizam o poker como profissão e como principal fonte de renda, logo, cuidar do bankroll é algo sério e de muita importância. 

Você deve estar se perguntando: “como assim ferramenta de trabalho?”

Para os jogadores de poker, gerenciar o saldo é tão importante quanto o computador que um contador utiliza para realizar suas funções diárias, por exemplo.

É como se fosse um médico que tem toda a sua paramentação (luvas, jaleco, máscara, dentre outros), ou seja, faz mesmo parte do dia-a-dia dele e sem isso é impossível de realizar suas funções. Entendeu?

No poker, normalmente as pessoas pensam que basta ter um computador para jogos que acontecem online ou realizar deslocamento para jogos que acontecem presencialmente, e quem sabe um baralho e pronto, eles estarão prontos para mais uma partida. Entretanto, a realidade daqueles que de fato tem o poker como carreira ou que jogam sério é bem diferente disso.

Um jogador profissional dedica grande parte do seu tempo estudando, treinando, criando estratégias e acima de tudo: GERENCIANDO O SEU SALDO, uma vez que sem o dinheiro disponível para os jogos nada do que ele fizer fará sentido, afinal, como se joga poker profissional sem dinheiro? Impossível!

POR QUE GERENCIAR O SEU SALDO?

Acredito que você já tenha entendido que o bankroll é algo de extrema relevância para o jogador de poker, certo? Atrelado a isso, temos o fato de que além de ter o saldo disponível para jogos, ele também precisa gerenciar esse valor, uma vez que é fundamental que o capital esteja sempre em segurança, evitando assim qualquer contratempo no meio do caminho.

Eu vou te dar mais um exemplo: fazer a gestão do bankroll é como fazer a gestão das suas finanças pessoais, ou seja, não é indicado gastar mais do que se tem, do contrário, você se endividará.

No poker é a mesma coisa, se você não gerenciar o seu saldo com cautela, ele acabará, ou como é dito no mundo do poker, você irá “quebrar” e o instinto te fará colocar mais e mais dinheiro no jogo. NÃO FAÇA ISSO! 

Essa expressão de quebra é a mesma que utilizamos quando uma empresa vai à falência, ou seja, ela quebra por não ter mais dinheiro suficiente para bancar os gastos gerados. Pronto, é a mesma coisa, agora tenho certeza que você entendeu!

Aprender a gerenciar o seu saldo e entender de uma vez por todas que o dinheiro de jogo e o pessoal não se misturam, evitam esse tipo de atitude. Nesse momento eu acredito que você está pensando: “mas e se meu dinheiro acabar, como vou jogar mais?”.

Bom, aí é que está o problema, se você não entender o quão importante é fazer esse gerenciamento, você sempre estará cobrindo o seu saldo zerado com dinheiro pessoal, o que te traz prejuízo ao invés de lucro!

Exercício de Bankroll

Fazer esse exercício da gestão do bankroll, te mostrará se você está apto ou não a apostar em limites mais altos, ou seja, em jogos mais agressivos dos que você está acostumado e que requerem apostas mais robustas. Fará você entender se já é hora de subir esse nível ou de permanecer naquele em que está.

Além disso, o que difere um jogador profissional / experiente, ou seja, aquele que visa lucro, de um jogador recreativo que está ali apenas pela diversão, em síntese, é a forma como eles enxergam e encaram o jogo, além de uma disciplina muito superior aos demais.

O jogador mais experiente, tem em mente que mesmo fazendo as melhores jogadas e mesmo estando atento na mesa, ele pode ser vítima da variância, que nada mais é do que o termo utilizado para definir o que foge daquilo que esperamos, ou seja, as variações estatísticas dentro do ganho estimado de um jogador, baseado em seu ROI (Retorno de Investimento).

Em síntese, de forma mais simples e descomplicada, a variância é o que faz um jogador passar por um período de prejuízo. 

Porém, normalmente esse tipo de jogador está disposto a passar por isso e além disso, tem saldo, ou banca, suficiente para passar por essa fase e seguir para a próxima sessão em busca de jogadas mais lucrativas. 

Já o jogador recreativo, tem maiores chances de sofrer com a variância devido a falta de maturidade e experiência no poker, como também pode estar disposto a passar por essa fase, mas será que ele terá saldo suficiente para manter a consistência (que é o que de fato trará lucro) e ir para a próxima sessão?

Para sobreviver em jogos

E esse é exatamente o motivo pelo qual você deve gerenciar o seu bankroll e para isso que uma gestão segura e consciente serve: para que você possa sobreviver em jogos em que a variância aparece sem que isso afete os seus próximos jogos, afinal, o seu dinheiro ainda estará lá, mesmo que em quantias menores.

Então, mesmo que você esteja se sentindo em uma maré de azar, que é algo que falamos muito no artigo sobre TILT, você poderá voltar a jogar com consistência, confiança e principalmente com a tranquilidade de que tem saldo o suficiente para continuar jogando dentro dos seus limites.

Fazer a administração da sua banca é o que te manterá como um jogador lucrativo, ou seja, àquele que gera dinheiro/lucro ao invés de dar prejuízo.

Esse é um dos grandes segredos do poker, se você internalizar isso e de fato aprender como se faz, te garanto que estará a frente de muitos jogadores por aí, pois demonstrará que você entende os altos e baixos que o poker pode proporcionar no quesito dinheiro.

PRINCÍPIOS E REGRAS BÁSICAS DO BANKROLL

Vamos listar agora alguns princípios e regras básicas que regem o bankroll para que possa te ajudar nessa trajetória:

1. Saiba em qual nível você é vencedor:

Consideramos este como um dos principais e mais importantes pontos chave de uma gestão impecável! Para descobrir o seu nível, comece por baixo, nos jogos mais básicos e vá aumentando gradativamente. A diferença entre os níveis são gritantes, quanto mais alto o nível mais experiência e expertise os jogadores terão, então, seja cuidadoso.

Além disso, vale ressaltar, que caso você tenha algum jogador famoso que admira, saiba que ele também começou por baixo, então não se sinta envergonhado, isso não é nenhum demérito. Como dito anteriormente, não importa o quão rico você seja, se você quer fazer dinheiro com o poker, gerencie o seu saldo e comece por baixo!

Foque em evoluir dia após dia, tenho certeza que você alcançará o seu objetivo tão logo quanto deseja, mas seja paciente e vá acumulando bankroll com os jogos que for ganhando, por menor que seja o valor, só assim você conseguirá construir um saldo interessante.

2. Escolha uma modalidade e seja especialista nela:

De que adianta jogar 2, 3 e até mesmo 4 modalidades diferentes de poker se em nenhuma delas você é muito bom? Jogar meia boca te fará perder dinheiro! Hoje em dia, os jogadores de poker evoluíram demais, então você precisa acompanhar isso.

Nossa dica aqui é: seja foda na modalidade de sua preferência, depois que souber tudo sobre ela e que tiver feito bons lucros, aí sim você pode se arriscar em outras variações, mas antes disso, não recomendamos. 

3. Invista em você:

Eu sei que você já está louco para sair por aí jogando poker, mas já dizia o velho ditado: “Paciência é uma virtude!”. E não é que é mesmo? Se você quiser de fato ganhar e gerar lucro, primeiro você deve aprender e depois jogar. É assim que funciona em absolutamente tudo na nossa vida.

Como dito no item anterior, os jogadores estão cada vez mais qualificados e o field, ou seja, jogadores que compõem um torneio ou uma mesa, está cada vez mais acirrado, logo, ganhar no poker está cada vez mais desafiador. Por isso, sugerimos que você estude sempre, não interessa em qual nível esteja.

Inclusive, aqui no blog temos diversos textos que podem te ajudar a alavancar os seus estudos, não deixe de conferir. Então, a dica aqui é: valorize o seu tempo e o seu dinheiro, seja investindo em cursos online, livros, dentre outros, desde que sejam de qualidade. 

Vocês precisam ter em mente  não o quanto vão gastar com esse aprendizado, mas sim o quanto vão perder nas mesas de poker se não estiverem preparados. Fica a dica!

4. Saiba gerenciar o seu tempo:

É imprescindível que você organize o seu tempo de estudo, treino e jogo, principalmente se você quer decolar no mundo do poker. Você precisa planejar o seu dia e saber exatamente quanto tempo se dedicará aos seus estudos. Quando tiver essa definição, seja fiel a ela!

De que adianta se inscrever em vários torneios online que vão varar a madrugada inteira se no outro dia você acorda às 6 horas da matina para ir trabalhar? O cansaço te faz tomar decisões erradas e decisões erradas te levam a prejuízo. 

Dica: Foque naqueles jogos que você tem a liberdade de parar de jogar quando quiser, como por exemplo os Sit & Go.

5. Tenha uma banca confortável:

Você deve estar se perguntando: “como vou saber isso?”. Bom, para começo de conversa, o que é confortável para mim pode não ser para você. O seu bankroll tem que ser um valor no qual você possa arcar sem que ele te traga apertos financeiros na sua vida pessoal. Dessa forma, esse valor é absolutamente decisão sua.

Porém, para te ajudar, vou te dar uma dica: 

  • Pegue o valor do seu bankroll e divida por 100. Por exemplo: se você possui uma banca de $1000,00, jogue em mesas de no máximo $10,00. Caso o seu saldo caia $750,00, volte a jogar em mesas com o valor de entrada de $5,00 a $7,00 e só volte para a de $10,00 quando o seu bankroll tiver ultrapassado os seus $1000,00 iniciais.
  • Priorize fields com menos profissionais;
  • Em caso de jogos online, jogue com nenhuma ou poucas telas simultâneas.

Essas dicas te darão mais confiança nas jogadas, assim o seu saldo aumentará muito mais rápido. Além disso, sempre reserve 25% do valor ganho para que você possa cumprir com o item 3 e realizar cursos e treinamentos que te deixará mais preparado para jogar contra adversários mais experientes.

6. Seja consciente ao sacar dinheiro:

Ninguém merece vencer e não poder comemorar não é mesmo? Nada mais justo do que você realizar um saque e desfrutar desse momento. Mas cuidado! Nunca se esqueça de que um jogador de poker é a sua própria empresa, de onde muito se retira e não se repõe, uma hora falta!

Além disso, vencer nos deixa automaticamente em uma zona de conforto, não caia nessa! Continue estudando e treinando, não deixe que nada abale o seu bankroll.

7. Não seja levado pela fantasia

Muitas pessoas iniciam no mundo do poker depois de assistir torneios milionários na televisão. Porém, quem conhece o jogo já sabe que ganhar dinheiro fácil e rápido não combinam com o poker, essa não é a realidade. 

Construir um bankroll consistente e até mesmo uma carreira de sucesso, leva tempo, dedicação e muito esforço. O simples fato de você gerenciar a sua banca, já quebra vários paradigmas em relação a esse mundo fantasioso do poker.

Não é sábio da sua parte estipular um valor para a sua banca e depois voltar atrás jogando acima do seu limite. Essa é uma decisão que deixará feridas no seu bankroll e inclusive te atrasará na sua trajetória no mundo do poker.

8. Deixe seu saldo em local diferente do seu dinheiro pessoal:

Por motivos óbvios, não misture esses dinheiros! Como dito anteriormente, dinheiro do bankroll não é o mesmo que o dinheiro pessoal, por isso, mantenha em locais separados para não correr o risco de utilizá-lo para o fim incorreto. Além disso, fica muito mais fácil visualizar o quanto de fato você tem e assim gerenciá-lo da melhor maneira. 

9. Nunca jogue acima do valor do seu bankroll:

Essa regra é a mais básica de todas, mas optamos por deixar por último para que você não passe batido por ela. Pode parecer banal, mas por mais que você jogue bem, nunca aposte superior ao seu limite e muito menos acima da sua banca, isso é um tiro no pé.

Falamos anteriormente sobre a variância, então não pense que isso não vai acontecer com você pois acontece, então sempre há a possibilidade de perda de dinheiro no poker, não vai arriscar logo o seu precioso saldo que você lutou tanto para conseguir!

ESTRATÉGIAS DE GESTÃO DE BANKROLL

Bom, agora que vocês já sabem o que é o bankroll, por que gerenciar o saldo e quais os princípios e regras que o regem, vamos falar agora das estratégias que vocês podem utilizar para gerenciá-lo.

As estratégias, por mais iniciante que você seja, te dão a oportunidade de definir o que é melhor para você em cada época da sua trajetória no poker, seja você um jogador recreativo ou um jogador que anseia pela profissão. 

Elas te dizem se você deverá correr um pouco mais de risco para ter uma possibilidade factível de alcançar lucros maiores, ou se você se manterá firme naquele limite que se propôs, sem grandes perdas, mesmo que isso signifique que você gastará mais tempo para construir um saldo mais robusto.

Cada jogador enxerga as estratégias de formas diferentes, nós da DM Créditos acreditamos em estratégias seguras e conservadoras para a gestão de bankroll, principalmente para os jogadores iniciantes, uma vez que vocês ainda não estão no momento de arriscarem e se aventurarem por aí. 

Além disso, ser conservador te garante uma maior estabilidade e sobrevivência mesmo nos piores cenários de variância, pois você terá margem para se recuperar. Outro ponto positivo dessa gestão, é o fato de que você vai jogar sem medo de fazer aquela jogada que tanto quer, te assegurando, a longo prazo, que você cometa menos erros.

No artigo a seguir, falamos das 03 formas de você gerenciar o seu bankroll: agressiva, moderada ou conversadora. Aqui, iremos tratar apenas do formato conservador, para checar essas duas outras formas de estratégias, leia esse artigo aqui.

GESTÃO CONSERVADORA:

Esse tipo de gestão é recomendada tanto para jogadores que vivem do poker e não podem ter prejuízos, quanto para aqueles iniciantes que querem levar o jogo mais a sério e querem minimizar os riscos do aprendizado.

  • Em torneios no estilo Sit & Go, uma gestão conservadora, gira em torno de 150 buy-ins, ou seja, a quantia paga para entrar no jogo. Logo, se você joga torneios de $11, sua banca deverá ser de $1650. 
  • Já para os Cash Games, é em torno de no máximo 100 buy-ins, ou seja, se você jogar em mesas com buy-in máximo de $7, seu bankroll deverá ser de $700.
  • E, por fim, se você joga em torneios multimesa, a gestão conservadora seria em torno de 200 buy-ins, ou seja, se o limite é $10, seu bankroll deverá ser de $2000.

“Downswing

Isso fará com que você jogue com consciência e sem ser afetado pela variância, assim, no longo prazo, qualquer downswing, termo conhecido pela onda de perdas devido a má sorte que um jogador passa, não o fará descer de limites.

Chegamos ao fim do nosso artigo! Acredito que vocês tenham entendido o que é o bankroll e o quão importante ele é no mundo do poker. Agora que você já está craque, já pode começar a colocar os seus conhecimentos em prática e iniciar o seu gerenciamento o quanto antes, independente da quantia que você tenha.

Mas, se você ainda não iniciou os jogos e não tem um bankroll definido, agora é a hora, siga as dicas desse artigo, escolha uma modalidade que se sinta mais confortável e que melhor se adapte e vai conhecer a fundo tudo o que puder sobre ela para conseguir definir com clareza qual será esse valor, não deixe para depois.

E, para finalizar, também faz parte do gerenciamento conservador do bankroll, não correr riscos desnecessários e para isso a DM Créditos está aqui para auxiliar vocês em tudo o que precisarem relativo a compra e venda de créditos. Basta nos chamar no chat ou no Whatsapp que um dos nossos agentes te atenderá com o maior prazer.

Um abraço e bons estudos!

Facebook | DM Créditos

Whatsapp: (31) 9 8472-3490